Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Larissa de Carvalho (Bala Perdida)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 17/01/2015

Localização: Bangu (RJ)

Data de Nascimento: 00/00/2011 (4 anos)

Data de Falecimento: 18/01/2015

Sexo: Feminino Feminino
 
Larissa de Carvalho, de 4 anos morreu, na manhã de domingo, do dia 18/01/2015, após ser atingida na cabeça por uma bala perdida na cabeça em Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, na tarde de sábado (17). Larissa de Carvalho estava com os pais na esquina das Ruas Boiobi e Rio da Prata quando levou o tiro. Primeiro, ela foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro, mas, como o caso era muito grave, a menina foi encaminhada para o Hospital Pedro II, em Santa Cruz, e não resistiu. Os familiares decidiram doar os órgãos.
 
— Nada vai fazer a minha filha voltar para mim. Mas alguém faz alguma coisa para acabar com a guerra, para acabar com a violência, só isso — disse Mileni de Carvalho, mãe de Larissa, em entrevista à “GloboNews”. — Eu nem vi nada, nem escutei barulho. A minha filha estava caída e a gente achou ela tinha tropeçado. Aí viu que tinha saído sangue da cabecinha dela.

Na terça-feira (20), a polícia fez uma reconstituição do crime e um tiro disparado para o alto pode ter provocado a morte.
 
Parentes ajudaram na reconstituição. O primo do padrasto de Larissa de Carvalho, que segurava a mão da menina na saída da pizzaria, apontou o local exato onde ela foi atingida.
A hipótese de um tiro de fuzil ou arma de grosso calibre foi descartada pelos investigadores, que estão com a bala que matou Larissa.
Segundo a polícia, o laudo no corpo da criança revelou que a bala veio de cima porque atingiu a parte superior do crânio. O delegado responsável pela investigação acredita que o tiro foi disparado para o alto e atingiu Larissa quando caia.
 
A reconstituição vai ajudar os policiais a identificar, pelo menos, de onde foi feito o disparo. “Estamos pegando imagens das câmeras e chamando testemunhas. Eu queria fazer um apelo para que se alguém viu alguém atirando para o alto nessas proximidades, que entre em contato com a Divisão de Homicídios e passe informações para que a gente possa colocar um ponto final nesse caso”, diz Rivaldo Barbosa, delegado da Divisão de Homicídios.
 
O corpo de Larissa de Carvalho foi enterrado na manhã de terça (20) no cemitério Jardim da Saudade, em Paciência. A avó da menina, Tânia Pereira, passou mal e teve que ser amparada. Logo em seguida, fez um desabafo. “Eu desejo que descubram o mais rápido possível quem fez isso com a minha neta e que esta pessoa seja punida”.
 
A Divisão de Homicídios investiga de onde partiu o tiro que atingiu a criança.
 
Por Sandra Domingues, com informações do o Globo

Mãe de Larissa chora a perda da filha (Foto: Reprodução / GloboNews)

Avó chora e lamenta a morte de Larissa, de 4 anos (Foto: Alba Valéria Mandonça / G1)

Larissa de Carvalho, de 4 anos morreu, na manhã de 18/01/2015, após ser atingida na cabeça por uma bala perdida na cabeça em Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, na tarde de 17/01/2015. Larissa de Carvalho estava com os pais na esquina das Ruas Boiobi e Rio da Prata quando levou o tiro. Primeiro, ela foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro, mas, como o caso era muito grave, a menina foi encaminhada para o Hospital Pedro II, em Santa Cruz, e não resistiu. Os familiares decidiram doar os órgãos.
 
A Divisão de Homicídios investiga de onde partiu o tiro que atingiu a criança.


Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)





Adrielly dos Santos Vieira Bruna Leite Sena Michele Amorim Lopes Ana Lidia Sousa Gomes Wagner Moreira Camila Magalhães Lima Mutzenbecher Caylee Marie Anthony Marcelo Caetano Caren Cristina dos Santos Barbosa França Thiago Pinheiro Castro Monique Valéria de Miranda Lavínia Azeredo de Oliveira Ana Cleide Macedo Silva Jacqueline Ruas Gabryelle de Farias Alves Robson Eduardo Carriel De Lima Palmerina Pires Ribeiro Sophie Zanger Giovani Schiller Balau Délio Márcio Rodrigues de Souza Abinoão Soares de Oliveira
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS