Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Lucas Henrique Babolim (Erro Médico)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 18/12/2007

Localização: Limeira (SP)

Data de Nascimento: 19/03/2002 (7 anos)

Data de Falecimento: 09/08/2009

Sexo: Masculino Masculino
 

Lucas Henrique Babolim, na ocasião com 5 anos, foi internado na Santa Casa de Limeira em meados de 12/2007. O que seria uma simples cirurgia de um pé quebrado terminou em tragédia quando Lucas Henrique Babolim sofreu uma parada cardiorrespiratória e entrou em coma.

Segundo a família, houve negligência médica e o caso até hoje está na Justiça.
Completamente imóvel, Lucas Henrique Babolim respirou por meio de uma traqueostomia e se alimentou por uma sonda, durante 1 ano e 8 meses, vindo a falecer em 09/08/2009, domingo do dia dos pais, um dia antes da viagem que o menino faria à China com os pais em busca do tratamento com células-tronco.

Lucas Henrique Babolim sempre foi uma criança feliz e ativa, primeiro filho, esperado, desejado, e muito amado por todos. Comunicativo e muito cativante, chamava a atenção de todos por onde passava. Era campeão de judô, e adorava tocar bateria, sempre com um sorriso no rosto, pronto para dar carinho a quem precisasse. Companheiro para os pais, amigo para a irmã menor, criança sensacional, com um sonho de ser médico e ajudar a salvar vidas. Pois foi justamente o contrário que aconteceu com ele.

Em 18/12/2007, ao brincar no pátio do apartamento que morava com a família, Lucas Henrique Babolim, bateu na lateral de um carro. A motorista por sua vez, acabou passando em cima de seu pezinho esquerdo, causando uma fratura exposta na tíbia.
Ao ser levado ao hospital, foi encaminhado para um procedimento cirúrgico simples, que duraria no máximo 40 min., e no dia seguinte estaria em casa. Mas não foi isso que aconteceu, Lucas Henrique Babolim teve uma parada cardio-respiratória por cerca de 15 min, causando uma hipóxia prolongada, deixando-o em coma.

A dor, a perda e a sensação de quase ter conseguido são constantes nas falas dos pais, que ainda estão chocados. “Com todo nosso sofrimento e perda, não deixaremos de lutar”, dizem. Entretanto, uma mágoa passa pelo olhar do casal. “Enterrei meu filho ontem [domingo] e as pessoas já perguntam sobre o dinheiro”, acrescenta Neide.
Renato reafirma que tudo que fizeram foi para dar uma segunda chance para o filho. “Não conseguimos, mas vamos tentar através de outras crianças que necessitam. Esta será a nossa homenagem ao Lucas Henrique Babolim”, destaca.

O pequeno Lucas Henrique Babolim estava em estado neurovegetativo há um ano e oito meses, depois de uma complicação com a anestesia que resultou em uma parada cardiorrespiratória. Lucas Henrique Babolim morreu um dia antes do embarque para o tratamento na China. A família ainda tenta entender o que aconteceu e aceitar as circunstâncias.

Desde o diagnóstico, eles lutavam para reverter a situação. O casal chora ao dizer que quase chegaram lá, mas como a vida é cheia de surpresas, o pequeno Lucas Henrique Babolim foi embora antes. Ficou uma lição para o jovem casal que, mesmo em um momento doloroso, encontra forças para continuar a batalha, que segundo eles, ainda não foi vencida.

Lucas Henrique Babolim, na ocasião com 5 anos, foi internado na Santa Casa de Limeira em meados de 12/2007. O que seria uma simples cirurgia de um pé quebrado terminou em tragédia quando Lucas Henrique Babolim sofreu uma parada cardiorrespiratória e entrou em coma.

O pequeno Lucas Henrique Babolim estava em estado neurovegetativo há um ano e oito meses, depois de uma complicação com a anestesia que resultou em uma parada cardiorrespiratória. Lucas Henrique Babolim morreu um dia antes do embarque para o tratamento na China. A família ainda tenta entender o que aconteceu e aceitar as circunstâncias.
 
Desde o diagnóstico, eles lutavam para reverter a situação. O casal chora ao dizer que quase chegaram lá, mas como a vida é cheia de surpresas, o pequeno Lucas Henrique Babolim foi embora antes. Ficou uma lição para o jovem casal que, mesmo em um momento doloroso, encontra forças para continuar a batalha, que segundo eles, ainda não foi vencida.
 
"Basta com os erros médicos
 
Está na câmara dos deputados o Projeto de Lei 6867/2010 que visa avaliação dos profissionais de saúde.
A ligação é gratuita 0800 619-619. Ligue e nos ajude nessa luta que é de todos nós.


Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)






O Que Todos Sabem em 15/07/2012 00:17
Em limeira os anestesistas não ficam em sala, fazem mais de uma anestesia ao mesmo tempo, e quem toma conta dos monitores que controlam os parametros vitais do paciente anestesiado são os circulantes de sala, tecnicos de enfermagem. Os enfermeiros chefes dos centros cirurgicos sabem que isso é errado e acobertam essa negligencia medica, pois nao deveriam permitir que estes tecnicos de enfermagem sob seus cuidados se responsabilizassem por essa atribuiçao exclusiva do medico anestesista


Sandra Domingues em 05/12/2010 17:26
Pequeno Lucas eu vou te amar para sempre! Descanse em paz meu anjinho lindo!


Célia em 04/12/2010 23:42
Estivemos juntinhos pela vida do Luquinhas,mais ele surpreendeu a todos ele preferiu ir morar com o PAI.Saudades Eternas meu anjo lindo,você jamais será esquecido.

Everton Barbosa Belmont Rebecca Cristina Alves Simões Renné Senna Carlos Eduardo Mendes de Jesus Pedro Henrique dos Santos Rozana da Silva Nascimento Diogo Werneck de Souza  Isabella Cassani Nicolas Fuzaro Mori Rodrigo Vieira Ronaldo de Carvalho Pinto Púbio Theodoro de Sousa Pablo Gomes Matielli Maycon William Entringer Carlos Eduardo de Souza Garcia Thiago do Nascimento Braz Ana Carolina Pacheco da Silva Camila da Silva Moutinho Marco Antônio Queiroz Muniz Roberto Laudísio Curti Juliana Vania de Oliveira
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS