Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Cauã Figueiredo de Mendonça Souza (Trânsito)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 25/08/2012

Localização: São Paulo (SP)

Data de Nascimento: 12/06/2006 (6 anos)

Data de Falecimento: 25/08/2012

Sexo: Masculino Masculino
 

Cauã Figueiredo de Mendonça Souza, de apenas 6 anos, morreu no dia 25 de agosto de 2012, em São Paulo, depois de ser atropelado por um soldado da PM que atropelou três pessoas de uma mesma família. A mãe e a irmã do pequeno foram internadas em estado grave.

O soldado, Caio Eliseu da Luz Santana, que dirigia em alta velocidade, perdeu o controle no carro na Rodovia Raposo Tavares e atingiu a família no canteiro central. Testemunhas disseram que ele apresentava sinais de embiaguez, mas se recusou a fazer o exame de bafômetro.

O Soldado Caio pediu o desligamento da polícia militar. Ele foi indiciado por homicidio culposo, quando não há intenção de matar, mas responde o processo em liberdade.

O enterro do pequeno Cauã aconteceu às 16:30h do dia 26/08, no cemitério Vale dos Reis, em São Paulo.
 
Por Sandra Domingues, com informações da Band

Cauã Figueiredo de Mendonça Souza, de apenas 6 anos, morreu no dia 25 de agosto de 2012, em São Paulo, depois de ser atropelado por um soldado da PM que atropelou três pessoas de uma mesma família. A mãe e a irmã do pequeno foram internadas em estado grave.

O soldado, Caio Eliseu da Luz Santana, que dirigia em alta velocidade, perdeu o controle no carro na Rodovia Raposo Tavares e atingiu a família no canteiro central. Testemunhas disseram que ele apresentava sinais de embiaguez, mas se recusou a fazer o exame de bafômetro.

O Soldado Caio pediu o desligamento da polícia militar. Ele foi indiciado por homicidio culposo, quando não há intenção de matar, mas responde o processo em liberdade.

Por Sandra Domingues, com informações da Band


Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)





Lucas Cardoso Fortuna Mário Sérgio Gabardo Gabriela Colnago de Castro Caiado Cidia Costa Cardoso Diego Machado Rodrigues Paulo Roberto Rosal Filho Kátia Fernandes Karatanasov Romeu Gabriel Muninhas Coutinho de Carvalho Kamilly Rodrigues Sales Lucas da Luz Alves Nicolas Fuzaro Mori Maria Tatiana Barros de Oliveira Maria Joyce da Silva Braz Francisco de Assis Guerra Ramalho Claudia Correa Pereira Toni Bernado da Silva Eloá Cristina Pimentel da Silva Victor Hugo Deppman Gaudêncio Nogueira Natália Broglio Murillo César Dias de Oliveira
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS