Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Pâmela Munique Valpato (Assassinato)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 06/11/2011

Localização: Vila Mauá (GO)

Data de Nascimento: 00/00/1994 (17 anos)

Data de Falecimento: 06/11/2011

Sexo: Feminino Feminino
 

Pâmela Munique Valpato, de 17 anos, torcedora do Goiás, foi morta em 06 de novembro de 2011 em Goiânia. Segundo a polícia, o crime foi motivado por uma briga das torcidas do Goiás e do Vila Nova. Pâmela recebeu um tiro na cabeça, disparado por dois motoqueiros, que passaram e disparatam quando ela retornava de uma festa ao lado do namorado e primos.

- Perdi minha filha, a coisa que eu mais amava na vida, por causa de futebol - disse o pai de Pamela.
 
A adolescente fazia parte da torcida Força Jovem, do Goiás. Segundo a polícia, o autor do crime já foi identificado e seria da torcida Sangue Colorado, do Vila Nova.
Pamela já havia sido ameaçada de morte dentro da escola onde estudava por estudantes da torcida.
 
Amigos acreditam, porém, que o alvo dos tiros seria o namorado dela, que havia sido fotografado ao lado de um caixão que simbolizava o rebaixamento do time colorado.

Pâmela Munique Valpato, de 17 anos, torcedora do Goiás, foi morta em 06 de novembro de 2011 em Goiânia. Segundo a polícia, o crime foi motivado por uma briga das torcidas do Goiás e do Vila Nova. Pâmela recebeu um tiro na cabeça, disparado por dois motoqueiros, que passaram e disparatam quando ela retornava de uma festa ao lado do namorado e primos.

- Perdi minha filha, a coisa que eu mais amava na vida, por causa de futebol - disse o pai de Pamela.
 
A adolescente fazia parte da torcida Força Jovem, do Goiás. Segundo a polícia, o autor do crime já foi identificado e seria da torcida Sangue Colorado, do Vila Nova.
Pamela já havia sido ameaçada de morte dentro da escola onde estudava por estudantes da torcida.
 
Amigos acreditam, porém, que o alvo dos tiros seria o namorado dela, que havia sido fotografado ao lado de um caixão que simbolizava o rebaixamento do time colorado.


Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)






Isabel em 24/06/2015 16:30
lamentável! tão jovem ... =/

João Cláudio Espinhara Brandão Anderson Silva de Oliveira Júnior Geovanna Vitória de Barros Ignez Barbosa de Oliveira Maristela Ferreira Just Simone de Campos Gomes Meira Fernandes Renata Novaes Pinto Sandra Florentino Gomide Cidia Costa Cardoso Chacina de Vigário Geral Maria Joyce da Silva Braz Erika Pereira Seoane Wesley Guilber de Andrade Gabriel Jatobá Púbio Theodoro de Sousa Maria Aparecida Fausta Ribeiro Silva Janaína Brito Conceição Yago Batista de Souza Werwethon Fernando Assis de Jesus Jeferson Iotti Luís Antonio Nunes Aceto
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS