Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Sérgio Luis Mendes (Latrocínio)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Sérgio Luis Mendes
Data do Ocorrido: 20/02/2010

Localização: Curitiba (PR)

Data de Nascimento: 00/00/1963 (47 anos)

Data de Falecimento: 20/02/2010

Sexo: Masculino Masculino
 

O taxista Sérgio Luis Mendes, 47 anos, foi assassinado na madrugada de 20 de fevereiro de 2012, dentro do carro em que trabalhava, após uma tentativa de assalto. Segundo a Polícia Militar (PM), o taxista foi encontrado morto em seu veículo Astra, na Rua Ada Mataggi, 780, no Bairro Alto, em Curitiba.

Por volta das 4h30 de 20/02/2010, Sérgio Luiz Mendes, 47 anos, estava em seu ponto de táxi, localizado na Catedral, quando três rapazes teriam perguntado quanto custaria a corrida até a rua Ada Macaggi, no Bairro Alto. Segundo o taxista que estava atrás de Mendes, os três rapazes vestiam roupas largas e coloridas, parecidas com a do movimento “hip hop”.

Horas depois, os colegas encontraram Mendes morto dentro de seu carro, Astra, na rua onde os rapazes teriam mencionado. A polícia foi acionada. Ele foi morto com um tiro no rosto de uma arma calibre 12. Sua carteira foi levada. Os bandidos ainda não foram encontrados. A polícia está investigando.
 
Mais de 50 taxistas percorreram as ruas da cidade na manhã de 20/02/2010 protestando contra a morte do colega de trabalho assassinado na madrugada, no Bairro Alto, em Curitiba.  
 
Assim que os taxistas ficaram sabendo da morte do companheiro, em clima de manifestação, eles foram até a Delegacia de Homicídios no início da manhã do dia 20/02 para demonstrar indignação pela falta de segurança. Logo após, os taxistas foram até a Delegacia de Furtos e Roubos e ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac-Sul), no bairro Portão.
 
A esposa e a filha do taxista souberam da morte de Mendes por meio da Rádio Banda B. Ingrid Mendes entrou em contato com a rádio e ao vivo conversou com Adilson Arantes. “Ele trabalhava há muito tempo nessa profissão e sempre nos dizia da falta de segurança ao trabalhar à noite. Minha mãe e eu estamos agradecidas pela manifestação que os colegas dele estão fazendo. Precisamos de uma solução para esse crime”, desabafou a filha do taxista.

O taxista Sérgio Luis Mendes, 47 anos, foi assassinado na madrugada de 20 de fevereiro de 2012, dentro do carro em que trabalhava, após uma tentativa de assalto, no bairro Alto, em Curitiba.

 

Por volta das 4h30 de 20/02/2010, Sérgio Luiz Mendes, 47 anos, estava em seu ponto de táxi, localizado na Catedral, quando três rapazes teriam perguntado quanto custaria a corrida até a rua Ada Macaggi, no Bairro Alto. Segundo o taxista que estava atrás de Mendes, os três rapazes vestiam roupas largas e coloridas, parecidas com a do movimento “hip hop”.

Horas depois, os colegas encontraram Mendes morto dentro de seu carro, Astra, na rua onde os rapazes teriam mencionado. A polícia foi acionada. Ele foi morto com um tiro no rosto de uma arma calibre 12. Sua carteira foi levada. Os bandidos ainda não foram encontrados. A polícia está investigando.


Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)





Michel Ramos Costa  Maria Cleuza da Silva Moutinho Adelson Loiola da Silva Lewdo Ricardo Coelho Severino Leila Patricia de Jesus Faria Silva Fernanda Tripodi Luis Paulo Oliveira Barbosa Enedith Monteiro de Brito Renan Fogaça Alípio Wilson Roberto Tafner Taiane Monteiro de Lima Viviane Alves Guimarães Wahbe Murilo Rezende da Silva Priscilla Gomes de França Rafael Pereira da Silva Manfred Albert von Richthofen Marcos Roberto Pretel Viana Henrique dos Santos Silva Hélio Barreira Ribeiro Victor Hugo Deppman Izabella Pajuçara Monteiro Frazão
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS