Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Luís Antonio Nunes Aceto (Trânsito)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 20/08/2001

Localização: Santa Bárbara d’Oeste (SP)

Data de Nascimento: 20/02/1966 (35 anos)

Data de Falecimento: 20/08/2001

Sexo: Masculino Masculino
 

Por Lourdes Nunes é mãe de Luís Antonio Nunes Aceto, morto em 20/08/2001 por Ivair dos Reis Gonçalves (Renner).

Em 20 de agosto de 2001, segunda-feira, manhã com muito sol, ideal para iniciar mais uma semana de trabalho e convivência familiar saudável, que toda mãe deseja e precisa para si e seus filhos. Nesse dia meu filho Luís Antonio Nunes Aceto, 34 anos, e sua namorada Eveline Moreti Soares, 31 anos, voltavam de Piracicaba/SP para nossa casa em Campinas/SP. Eles viajavam em uma moto Honda NX 350 Sahara pela rodovia Luiz de Queiróz (SP-304) e, quando estavam próximos a Usina Furlan (em Santa Bárbara d’Oeste/SP), um carro BMW, que vinha em sentido contrário, em altíssima velocidade, atravessou a pista, matando o Luís e a Eveline. Seus corpos dilacerados ficaram espalhados no asfalto. Uma cena de horror...

O motorista insano, causador dessa tragédia é o cantor Renner. Ele disse nesse fatídico dia e continua afirmando ao longo do processo cível e criminal que aconteceu um acidente e “ACIDENTES ACONTECEM TODOS OS DIAS”.
 
Matar no trânsito dirigindo veículo sob efeito de bebida alcoólica, ou excedendo limites de velocidade, ou sem habilitação, ou fazendo racha, etc., não é acidente. É CRIME e a punição precisa ser mais rigorosa.
 
Nós, pais, mães, irmãos, família, amigos das vítimas de trânsito, esperamos dos nossos legisladores e governantes leis mais eficientes e imediatas para esses crimes. Temos urgência! A dor de quem perde um ente querido na barbárie do trânsito não pode esperar!
 
Os processos cível e criminal contra o Renner estão encerrados (trânsito julgado em 2011) no STJ (Brasília/DF) e não cabem mais recursos. Renner foi condenado por duplo homicídio culposo e ele deveria cumprir suas penas.
 
Em março de 2013 o cantor sertanejo Ivair dos Reis Gonçalves, o Renner da dupla Rick e Renner, se apresentou à Justiça e aceitou pagar uma multa de R$ 244 mil, além de prestar serviços comunitários, para escapar da prisão por envolvimento em um acidente de trânsito que matou um casal em 2001 em Santa Bárbara D'Oeste (SP).
 
O cantor esteve no dia 25 de fevereiro no Departamento de Execuções Criminais da Capital (Decrim) 4, que funciona no Fórum da Barra Funda, em São Paulo (SP). O sertanejo foi condenado a 3 anos e 6 meses de detenção e a perder o direito de dirigir pelo mesmo período por causa da morte do casal. A Justiça, no entanto, converteu a sentença ao recolhimento de 360 salários mínimos e à prestação do trabalho voluntário, ainda não definido.

Por Sandra Domingues, com informações da Folha e G1

Por Lourdes Nunes é mãe de Luís Antonio Nunes Aceto, morto em 20/08/2001 por Ivair dos Reis Gonçalves (Renner).

Em 20 de agosto de 2001, segunda-feira, manhã com muito sol, ideal para iniciar mais uma semana de trabalho e convivência familiar saudável, que toda mãe deseja e precisa para si e seus filhos. Nesse dia meu filho Luís Antonio Nunes Aceto e sua namorada Eveline Moreti Soares voltavam de Piracicaba/SP para nossa casa em Campinas/SP. Eles viajavam em uma moto Honda NX 350 Sahara pela rodovia Luiz de Queiróz (SP-304) e, quando estavam próximos a Usina Furlan (em Santa Bárbara d’Oeste/SP), um carro BMW, que vinha em sentido contrário, em altíssima velocidade, atravessou a pista, matando o Luís e a Eveline. Seus corpos dilacerados ficaram espalhados no asfalto. Uma cena de horror...

O motorista insano, causador dessa tragédia é o cantor Renner. Ele disse nesse fatídico dia e continua afirmando ao longo do processo cível e criminal que aconteceu um acidente e “ACIDENTES ACONTECEM TODOS OS DIAS”.
 
Matar no trânsito dirigindo veículo sob efeito de bebida alcoólica, ou excedendo limites de velocidade, ou sem habilitação, ou fazendo racha, etc., não é acidente. É CRIME e a punição precisa ser mais rigorosa.
 
Nós, pais, mães, irmãos, família, amigos das vítimas de trânsito, esperamos dos nossos legisladores e governantes leis mais eficientes e imediatas para esses crimes. Temos urgência! A dor de quem perde um ente querido na barbárie do trânsito não pode esperar!
 
Os processos cível e criminal contra o Renner estão encerrados (trânsito julgado em 2011) no STJ (Brasília/DF) e não cabem mais recursos. Renner foi condenado por duplo homicídio culposo e ele deveria cumprir suas penas.
 
Em março de 2013 o cantor sertanejo Ivair dos Reis Gonçalves, o Renner da dupla Rick e Renner, se apresentou à Justiça e aceitou pagar uma multa de R$ 244 mil, além de prestar serviços comunitários, para escapar da prisão por envolvimento em um acidente de trânsito que matou um casal em 2001 em Santa Bárbara D'Oeste (SP).
 
O cantor esteve no dia 25 de fevereiro no Departamento de Execuções Criminais da Capital (Decrim) 4, que funciona no Fórum da Barra Funda, em São Paulo (SP). O sertanejo foi condenado a 3 anos e 6 meses de detenção e a perder o direito de dirigir pelo mesmo período por causa da morte do casal. A Justiça, no entanto, converteu a sentença ao recolhimento de 360 salários mínimos e à prestação do trabalho voluntário, ainda não definido.
 
Por Sandra Domingues, com informações da Folha e G1
 


Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)






Carolina em 19/01/2013 11:07
Esse é o problema do Brasil.. Pessoas famosas não pagam como as outras pessoas. Triste..

André Francavilla Luz Alexandre Pereira Pinto Almeida Ary Barbosa Martins Lennon Sant’ana Ramos Tábata Conrado Edmilson dos Reis Alves Victor Hugo da Silva Braga João Cláudio Cardoso Leal Paulo Alexandre Gomes Erica Almeida Marques Ana Clara Cunha da Mata Ubiratan Guimarães Danghlie Vieira de Andrade  Núbia Carmen Conte Haick Kaio César Alves Muniz Ribeiro Vírgilio Augusto de Jesus Marcos Itiberê Rodrigues de Castro Caiado Filho Lucas Cardoso Fortuna Aparecida Conceição Prado Ratti Raíssa Tainara Rosa de Lima Júnia Aparecida da Silva
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS