Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

George Alexandre Queiroz Lisboa (Latrocínio)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 04/03/2009

Localização: São Paulo (SP)

Data de Nascimento: 15/05/1969 (39 anos)

Data de Falecimento: 04/03/2009

Sexo: Masculino Masculino
 

George Alexandre Queiroz Lisboa, o Gegê, 39 anos, vítima de latrocínio, São Paulo-SP, em 04/03/2009.

- “Não quero ser uma página de diário arrancada de ninguém e nem alguém que as pessoas dizem que sou ‘um grande ou melhor amigo’, pra depois ser deixado de lado”. (George Alexandre Queiroz Lisboa – Carinhosamente chamado pelos amigos por Gegê).

Buscava tanto ajudar familiares e pessoas que sofreram violência, mas sem ser poupado tornou-se mais uma perda nossa para a violência que tanto combateu, tornando-se mais uma vitima da impunidade.

Em 04/03/2009,  Gegê ao parar no portão de sua residência, fora abordado por dois homens desconhecidos, em uma moto, que após subtraírem sua bolsa e um aparelho celular, não se satisfizeram com o delito e em crime continuado, deflagraram dois tiros na vítima, um nos rins, e outro na virilha, que atingindo a veia aorta, (em menos de meia hora) levou a vítima a óbito, conforme Boletim de Ocorrência sob número 1503/2009 lavrado no 35º Distrito Policial - Jabaquara, região Sul do Estado de São Paulo.

Até hoje o responsável pela morte de Gegê não foi identificado e o caso continua impune.

Por Sandra Domingues

George Alexandre Queiroz Lisboa, o Gegê, 39 anos, vítima de latrocínio, São Paulo-SP, em 04/03/2009.

- “Não quero ser uma página de diário arrancada de ninguém e nem alguém que as pessoas dizem que sou ‘um grande ou melhor amigo’, pra depois ser deixado de lado”. (George Alexandre Queiroz Lisboa – Carinhosamente chamado pelos amigos por Gegê).

Buscava tanto ajudar familiares e pessoas que sofreram violência, mas sem ser poupado tornou-se mais uma perda nossa para a violência que tanto combateu, tornando-se mais uma vitima da impunidade.

Até hoje o responsável pela morte de Gegê não foi identificado e o caso continua impune.

Por Sandra Domingues



Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)






Carla em 13/11/2017 21:06
Nunca me esqueci do Gegê. Conheci ele no flogão e começamos a trocar comentários nas fotos e acabamos virando amigos de msn. Até que o Gegê sempre presente e amigo sumiu... Não comentava mais minhas fotos, não postava mais fotos dele e nunca estava online no msn. Fui procurar saber e me contaram o que ocorreu essa tragédia. Lembro sempre dele com muito carinho! Sinto faltas de suas conversas e da amizade pura que ele tinha. Que Deus o acolha junto dele e ajude que esses canalhas sejam encontrados e presos! #justiçagegelisboa


Sandra Domingues em 27/12/2011 23:53
A JUSTIÇA QUE TARDA E FALHA Nosso querido amigo Gegê ( George Alexandre Queiroz Lisboa) faz parte dessa triste estatística; vítima da violência e da Impunidade!!! Gegê lutava contra a Impunidade...e foi uma das vítimas da Impunidade que impera em nosso país. Ninguém responde pela morte de Gegê e o crime nem sequer foi apurado, apesar das fortes pistas que apareceram, inclusive de um DVD, que havia sido alugado em uma locadora, horas antes. DVD esse que caiu da moto, onde estavam o (os) responsável (eis) pela morte do Gegê. O pai do Gegê é militar aposentado e devido a idade avançada e estado debilitado de saúde, não teve forças para ir atrás do assassino de seu filho e até hoje, quase 3 anos depois, aguarda por justiça!

Orlando Enriquez Alves Gomes Elaine Serra Gomes da Cruz Cléber Cley Pinto Marques Fonseca Filho Débora Regina Leme dos Santos  Isabella Cassani Sabrina Silvestre Fontão Rodrigo Wanick Miranda Ferreira André Neres Maciel Marcos Monis Monteiro de Lima Ana Cleide Macedo Silva André Luis Gusmão de Almeida Joseane Pereira Moraes Patricia Leal dos Santos Rosa Maria Leite Alves Alan Fagner Clemente Soares Natália Broglio Murillo Francisco Ferreira Oliveira Neto Nicolas Gottschald de Freitas  Carlos Eduardo Lira dos Santos Rampini Maria Helena Priscila Fernandes Ilda Vitor Maciel
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS