Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Emerson Luis Marques Goularte (Assassinato)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 21/06/2007

Localização: Dom Pedrito (RS)

Data de Nascimento: 25/11/1976 (30 anos)

Data de Falecimento: 21/06/2007

Sexo: Masculino Masculino
 

Emerson Luis Marques Goularte , 30 anos, torcedor do Internacional, espancado até a morte por um grupo de torcedores gremistas após final da Copa Libertadores, Dom Pedrito-RS, em 21/06/2007.

Segundo relatos, Emerson Luis Marques Goularte era torcedor do Internacional e assistia à partida entre Grêmio e Boca Juniors pela final da Copa Libertadores, em um bar, localizado na cidade de Dom Pedrito, interior do Rio Grande do Sul. Não estava vestindo o uniforme do Inter. Há suspeita também, de crime de racismo, já que Emerson Luis Marques Goularte era negro. Os cinco suspeitos de assassinatos foram identificados, todos de classe média alta

Seis pessoas foram indiciadas ( uma delas, à época do crime, menor de idade ) e presas preventivamente seis dias após o ocorrido, tendo sido soltas em 06/03/2008. Responderão ao processo em liberdade.

Os acusados foram indiciados por crime hediondo com três agravantes pelo delegado, o que foi aceito pelo Ministério Público ( MP ).

No recurso feito ao Tribunal de Justiça ( TJ ), os desembargadores o rebaixaram para homicídio simples. Houve recurso do MP ao Superior Tribunal de Justiça  (STJ ), ainda não julgado.

Seis pessoas foram indiciadas pela morte de Emerson Luis Marques Goularte ( uma delas, à época do crime, menor de idade ) e presas preventivamente seis dias após o ocorrido, tendo sido soltas em 06/03/2008. Responderão ao processo em liberdade.

Os acusados foram indiciados por crime hediondo com três agravantes pelo delegado, o que foi aceito pelo Ministério Público ( MP ).

No recurso feito ao Tribunal de Justiça ( TJ ), os desembargadores o rebaixaram para homicídio simples. Houve recurso do MP ao Superior Tribunal de Justiça  (STJ ), ainda não julgado.



Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)





Thamires Gomes Leão Machado Marcos Roberto Pretel Viana Renata Aparecida Leite Angelito Barros Correia de Mello Hugo Leonardo Mendes Robson Eduardo Carriel De Lima Alexandre Andrade Reyes Simone de Campos Gomes Meira Fernandes Alessandra Mendes Nicole Mayra da Silva Nogueira Daniel Duque Pittman Pedro Augusto Santos Prates Beltrão Mariana Almeida Andrade Renata Novaes Pinto Michael Mendes Míriam Oppenheimer Leão Brandão Fernanda Tripodi Rodrigo Monteiro Sakavicius Evandro Ramos Caetano Valdir Marques Renato Dobelin
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS