Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Leila Patricia de Jesus Faria Silva (Desaparecimento)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 25/10/2007

Localização: P Norte Ceilândia (DF)

Data de Nascimento: 30/04/1980 (37 anos)

Sexo: Feminino Feminino
 

Leila Patricia de Jesus Faria Silva, 27 anos, casada, tinha 1,62m, branca, cabelos pretos longos, pesava 68kg, foi vista pela última vez saindo de carro com o marido e uma terceira pessoa. Ele retornou no dia seguinte, sozinho, guardou o carro e em seguida desapareceu. Nunca mais foram vistos.

Leila Patricia de Jesus Faria Silva e o marido trabalhavam comigo. Ela cuidava da parte financeira da empresa. Estava havendo um desfalque no caixa, todo dia, Leila começou a observar todos os funcionários, até que no dia 25/10/2007 ela descobriu que se tratava do próprio marido. Foi o último dia que vi minha filha.

Segunda o relato da mãe, Marlene, Leila Patricia de Jesus Faria Silva, pediu que ela ficasse com sua filha, pois iria direto para o cursinho a noite.  Por volta das 21h, liga novamente e pergunta se a filha dela estava mesmo comigo e frisa para não entregá-la a ninguém. Marlene aionda conta que perguntou o porquê da pergunta, mas Leila Patricia de Jesus Faria Silva não quis comentar mais nada e desligou o telefone.

A jovem se despediu da mãe depois de mais um dia de trabalho no ferro-velho da família, na Estrutural, e nunca mais deu sinal de vida. Marlene está sem notícias da filha e do genro, Hélio Anderson da Silva, 28 anos. Leila Patricia de Jesus Faria Silva foi vista pela última vez no curso de inglês, em Ceilândia. “Eu tenho muita fé de que ainda vamos desvendar esse mistério e achar minha filhinha”, acredita Marlene.

Em 26/10/2007, a mãe começou a desconfiar de que alguma coisa estava errada quando a jovem não apareceu para trabalhar na sexta-feira. “Liguei no celular dela e ninguém atendeu. Depois, liguei no celular do Hélio e ele disse que o pneu do carro e o estepe estavam furados e que, provavelmente, ia demorar”, relembra. No fim da manhã, Hélio deixou o carro do casal na casa da irmã dele, no Setor de Chácaras do P Norte (Ceilândia). Ele teria dito ao cunhado Cláudio Justino de Jesus, 31 anos, e para a própria mãe, Maria Otacília da Silva, 52 anos, queLeila Patricia de Jesus Faria Silva tinha passado mal e estava no Hospital Regional de Brazlândia.

Depois disso, ele pegou uma bicicleta emprestada e foi embora. Segundo testemunhas, Hélio passou em um mercado, comprou uma bebida à base de guaraná e sumiu. Depois de procurar por Leila Patricia de Jesus Faria Silva, parentes garantem que ela não deu entrada em nenhum hospital do Distrito Federal.

Ao chegarem na casa da irmã do marido e perguntaram por Leila Patricia de Jesus Faria Silva afirmaram que o marido havia dormido fora e ela estaria doente. No mesmo instante foram para a delegacia pedir ajuda. Eles disseram: - Só depois de 24h do desaparecimento. Registram a ocorrência e começaram uma longa busca por todos os lugares que imaginamos encontrar Leila Patricia de Jesus Faria Silva, sem sucesso.

Fizeram a pericia na casa que já não tinha mais nada. Os vizinhos já tinham roubado tudo que minha filha lutou tanto para comprar, tudo foi destruido em segundos. Enfim, a justiça até hoje não me deu uma resposta do que aconteceu com Leila Patricia de Jesus Faria Silva.Segundo a mãe de Leila Patricia de Jesus Faria Silva, "minha familia, foi destruída e a dele está por ai tranquilamente, sem nenhuma punição e nos não tivemos o direito de dar um último adeus para nossa princesa, nem mesmo sabemos exatamente se ela morreu e por que minha filha morreu. Eu daria tudo que tinha para ele só para ficar com ela. Eu nunca ia falar nada sobre o que ele andava fazendo. Por que ele foi tão cruel ? Eu o amava e respeitava as vontade dele...nós éramos felizes".

Quem souber de alguma pista que leve ao paradeiro de Leila Patricia de Jesus Faria Silva e Hélio pode fazer uma denúncia anônima pelos telefones 197 e (61) 3379-9100.

Leila Patricia de Jesus Faria Silva, 27 anos, casada, tinha 1,62m, branca, cabelos pretos longos, pesava 68kg, foi vista pela última vez saindo de carro com o marido e uma terceira pessoa. Ele retornou no dia seguinte, sozinho, guardou o carro e em seguida desapareceu. Nunca mais foram vistos.

Quem souber de alguma pista que leve ao paradeiro de Leila Patricia de Jesus Faria Silva e Hélio pode fazer uma denúncia anônima pelos telefones 197 e (61) 3379-9100.



Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)






Shirley em 15/01/2013 15:54
alguem mais tem noticias da leila? e do anderson? como pode alguem sumir assim? evaporou? quanto descaso meu DEUS

Bruno Ernesto R. Morais Daniela Nogueira Oliveira Rodrigo da Silva Netto Jair Henrique Pavaneli Gabryelle de Farias Alves Benoni Alencar Rodrigo Lopes de Marcelos Erika Pereira Seoane Raíssa Tainara Rosa de Lima Eveline Moreti Soares Gil Melo Sicuro Carlos Alberto Silva de Souza Caroline Bonomi Maria Helena Priscila Fernandes Ana Luíza Santos Edinei Pereira Gomes Kaio Lucas Garcia Negris Nelson Lopes Kamilly Rodrigues Sales Felipe Silva Caffé Thiago Henry de Siqueira Oazen
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS