Autor: Carlos Santiago
Gabriela Sou da Paz
Diga não à impunidade
Blog Blog   |   Fale Conosco Fale Conosco   |   Cadastro Cadastro   |   Depoimento Depoimento
 
 
 
Você está em: Inicial > memorial > perfil.php

Gabriel Jatobá (Envenenamento)



 


Participe Participe cadastrando seu caso de impunidade.

Aviso O Movimento Gabriela Sou da Paz não se responsabiliza pela exatidão e veracidade das informações contribuidas voluntariamente abaixo.


Data do Ocorrido: 14/06/1997

Localização: Rio de Janeiro (RJ)

Data de Nascimento: 00/00/1995 (2 anos)

Data de Falecimento: 14/06/1997

Sexo: Masculino Masculino
 

Gabriel Jatobá, 2 anos,  foi brutalmente arrancado de sua família, após supostamente ter sido envenenado com "chumbinho" (veneno para matar ratos) por G., namorada de seu pai à época. Sua mãe, a psicóloga Aparecida Abreu Ferreira da Silva, ao mesmo tempo que ainda se emociona ao lembrar do garoto, que tinha dois anos, se revolta ao comentar que a acusada de cometer o crime tão bárbaro esteja impune até hoje.

Após ingerir o veneno, Gabriel Jatobá foi socorrido no Hospital Universitário Antônio Pedro (Huap), onde passou por uma lavagem estomacal.

"A médica Lílian Guerra me contou que o montante de chumbinho extraído do estômago do meu filho não era condizente com a quantidade geralmente ingerida por crianças acidentalmente. Além disso, ele tinha marcas no pescoço, como se tivesse sido forçado a abrir a boca para tomar o veneno", disse a mãe.

"A lembrança que eu tenho dele é a de um menino muito alegre. Ele adorava motos. Sempre queria ficar em cima da moto do tio. Era um garoto que não falava tanto, mas que dizia muito só com o olhar. Sua força também era impressionante. Depois de ter sido envenenado com uma dose cavalar de chumbinho, ainda passou cinco dias em coma, lutando pela vida. É nesse exemplo que eu me agarro para continuar batalhando para que a justiça seja feita", disse a mãe, com os olhos marejados.

Gabriel Jatobá
era o filho caçula de Aparecida. Depois de sete anos de relacionamento com o pai da criança, o bancário Mario Jatobá, ela diz que resolveu se separar, e o menino passou a ficar os finais de semana com o pai.

"Ele já estava namorando aquela mulher (G.) há uns dez meses e eu já havia lhe pedido para não deixar o Gabriel Jatobá sozinho com ela. Mas, na manhã do dia 14/06/1997, ele saiu para buscar um dos três filhos dela na casa de uma tia. Foi nesse momento que ela envenenou o meu filho com chumbinho", afirmou Aparecida, que diz ter certeza de que G. matou a criança por sentir ciúmes dela.

Depois de enterrar o corpo de seu filho no Cemitério Parque da Colina, Aparecida começou uma verdadeira batalha para que a mulher, a quem ela acusa pelo suposto crime, fosse condenada. Em 2003, G. foi sentenciada a 28 anos de prisão. Porém, em um novo julgamento, em 12/2005, a ré foi absolvida.

Acreditando que o corpo de jurados, composto por três homens e quatro mulheres, se comovera com o discurso do advogado de defesa Paulo Ramalho, Aparecida ficou revoltada, enquanto o promotor do caso, Ruben Viana, certo da culpa de G., resolveu recorrer contra a decisão do júri.

"Tenho certeza da culpa dela. Está mais do que evidente o envenenamento proposital da criança por parte da acusada", disse Viana.

 

Gabriel Jatobá, 2 anos, morreu após ingerir chumbinho em 14/06/1997. A acusada, na época, namorada do pai de Gabriel, foi inocentada no júri popular por 4 x 3. Rio de Janeiro-RJ.



Não será publicado.




Desejo Receber Informativos (não enviamos SPAM)





Ana Clara Cunha da Mata Jéssica Carline Ananias da Costa Gerlane Nascimento de Lima Luiz Fernando Silva Santos João Cláudio Espinhara Brandão Renata Novaes Pinto Pedro Henrique dos Santos Shara Ruana Reis Pedro Branco Couto Rodrigues Evandro Pinto Ribeiro Gustavo Rafael Rodrigues Paulino Ferreira Maria Joyce da Silva Braz Mila Perillo Borghetti Daniel Duque Pittman Waimasse de Magalhães Tavares Caroline Silva Lee Vanessa Maria de Oliveira Luciana Barreto Montanhana  Felipe Wellington da Silva Cruz Marcos Sidlauskas Tainá Eliz de Souza Caetano
 
Blogger   Youtube   Facebook   Twitter   RSS